Logística no e-commerce: quais cuidados a sua empresa deve ter?

Como o marco civil da internet mudou a relação com clientes?
Como o marco civil da internet mudou a relação com clientes?
10 de abril de 2018
Responsabilidade Civil das Plataformas de Intermediação de Pagamentos Online
Responsabilidade Civil das Plataformas de Intermediação de Pagamentos On line
15 de maio de 2018
Exibir tudo

Logística no e-commerce: quais cuidados a sua empresa deve ter?

Logística no e-commerce: quais cuidados a sua empresa deve ter?

Umas das melhores maneiras de garantir as boas vendas de uma empresa é agradar as expectativas dos clientes e cuidar da logística no e-commerce é essencial para assegurar essa satisfação.

A logística desempenha um papel fundamental no e-commerce e, caso não seja bem desempenhada, pode prejudicar muito o seu trabalho. Por isso, é muito importante ter cuidado com essa parte do processo de vendas. Afinal, a forma como o produto foi entregue é que vai ajudar a garantir uma boa imagem do negócio com o cliente.

Essa tarefa pode ser desempenhada pela própria equipe ou por terceiros e a escolha deve ser feita após avaliados o orçamento e estrutura disponível da organização. Pensando nisso, elaboramos esse texto para que você entenda melhor e conheça os principais pontos sobre o assunto. Continue e leitura e confira!

Qual é a importância de ter um bom controle de estoque?

O bom controle do estoque ajuda a evitar diversos problemas da logística no e-commerce, entre eles a indisponibilidade do produto após a venda ser realizada ou que eles fiquem parados por falta de interesse de compra pelo cliente. Além disso, você otimiza o tempo encontrando os produtos rapidamente e evita cancelamento de pedidos, reduzindo as chances de prejuízos para a empresa.

O controle também ajuda nas tomadas de decisões sobre quais produtos se deve investir, já que por meio dele é possível identificar quais são os que possuem maior giro, pois a sua manutenção gera um custo de logística e não é nada interessante para o negócio manter produtos parados nos seus depósitos.

Por que escolher uma boa transportadora é importante?

Sem dúvidas a parceria entre uma empresa e uma transportadora é uma das melhores maneiras de trabalhar a logística no e-commerce e na entrega de produtos, cumprindo os prazos que foram prometidos aos clientes. A transportadora responsável pelos produtos deve oferecer uma prestação de serviços eficiente e estar adequada ao modo de atendimento da empresa que a contratou.

Para que esse serviço seja realizado de forma correta, fazer um contrato é fundamental. É necessário definir junto a outra empresa todas as cláusulas e informações necessárias para garantir a qualidade dos serviços prestados, pois, como já falamos, o procedimento de entrega dos produtos é primordial para tornar o negócio mais competitivo, fornecer uma boa experiência de compra e aumentar as possibilidades de fidelização do cliente.

O bom contrato deve reger sobre as seguintes questões:

  • observar os direitos do contratante e as responsabilidades da contratada — no caso a transportadora — nas esferas judiciais;
  • estabelecer normas em busca de assegurar a eficácia e responsabilidade nos casos de resolução de ocorrências e ressarcimentos nas situações de falha no serviço, perdas e outras situações;
  • providenciar a proteção e segurança da carga caso ocorra algum evento danoso;
  • definir condições relativas à preços, prazos e reajustes na tabela de frete;
  • determinar a forma da execução dos serviços conforme a qualidade exigida, preservando a imagem do negócio e a satisfação dos clientes, entre outros.

De modo geral, um contrato bem feito define de forma clara os direitos e deveres de cada uma das partes, por isso, se possível, deve ser acompanhado de perto por um profissional da área jurídica.

O que deve ser avaliado ao contratar uma transportadora para a empresa?

Como a transportadora se tornará sua parceira de negócio, alguns pontos precisam ser avaliados na hora de fazer a escolha da ideal para a sua empresa. Veja a seguir algumas dicas!

Pesquise o histórico da transportadora

Pesquisar o histórico de serviços da transportadora é indispensável para realizar uma boa contratação. Você pode começar pesquisando pelos clientes que já utilizaram o serviço, redes sociais etc. Esse ato evitará que sua empresa tenha problemas e transtornos futuros e, consequentemente, aumento de gastos.

Veja o valor do frete

Cada transportadora possui a sua forma de realizar o cálculo de frente, então o responsável pela logística precisa estar bem atento à essa questão, pois o preço é um fator importante para o negócio.

Por isso, é essencial observar as variáveis que são aplicadas por cada uma no momento do cálculo e como isso vai influenciar no valor final. Para tanto, é preciso compreender a tabela de frete utilizada para chegar ao valor do serviço.

Fique atento à cobrança de taxas

Outro fator que varia de acordo com cada transportadora são as cobranças de taxas, incluídas separadamente do cálculo de frete. Entre algumas taxas que podem ser cobradas, podemos destacar:

  • taxa de reentrega;
  • taxa de complexidade da emprega;
  • taxa de carregamento;
  • frete mínimo.

Analise a cobertura

É importante verificar a cobertura desejada, pois não são todas as transportadoras que abrangem todos os locais. Muitas delas atendem por região e uma saída é contratar transportadoras diferentes para lugares específicos. Faça um levantamento das regiões onde os produtos devem ser entregues e veja quais as transportadoras que mais se adequam às condições do seu negócio nessas localidades.

Verifique as limitações de envio

Observe a limitação dos serviços, já que não são todas as transportadoras que levam mercadorias muito grandes, frágeis ou pesadas e isso pode fazer com que você tenha que contratar um serviço logístico diferenciado, causando prejuízos para a empresa. Portanto, esses aspectos devem estar em concordância com o objetivo da logística no e-commerce e, por isso, devem ser sempre observados.

Defina um limite de custo com frete e negocie

Calcule os gastos da empresa com transporte de mercadorias e estipule um valor máximo para custos com frete. Após verificar todas as informações, solicite às transportadoras que lhe enviem os preços médios para entrega, assim você poderá comparar cada uma delas.

A partir de então, escolha a transportadora que mais combina com seu negócio e ofereça uma contraproposta com preço mais baixo, eliminando os serviços que não serão necessários para a empresa.

Após chegarem a um acordo, realizem o contrato formalizando o que foi negociando juntamente com os valores.

Muito importante: apesar do transporte de mercadorias ser terceirizado e seu gerenciamento não estar diretamente ligado à empresa, é necessário sempre acompanhar e monitorar o andamento das entregas e garantir que tudo ocorra de forma tranquila!

A logística no e-commerce exige muita atenção para que seu sucesso seja garantido. O mercado se encontra cada vez mais competitivo e saber escolher uma boa transportadora e oferecer um serviço de qualidade para os clientes é um fator fundamental para o crescimento do negócio.

Gostou deste texto e quer mostrá-lo para mais pessoas? Então compartilhe nas redes sociais e ajude os seus amigos a também entenderem melhor sobre o assunto!

Deixe seu comentário

Stefenson dos Santos Pinto
Stefenson dos Santos Pinto
Advogado Sócio Administrador Pós- graduando em Direito Empresarial pela Pontifícia Universidade Católica PUC-SP; pós-graduado em Direito Civil e Processo Civil pela Faculdade Legale; Especialista em Direito Civil, especialmente, nas questões do Direito da Internet, Direito do Consumidor e Direito de Imagem; Foi Membro da Comissão de Direito do Consumidor da OAB-SP/Santo Amaro de 2013/2015; Possui Certificados dos seguintes Cursos de Extensão: Curso de Direito Digital; Curso de Direito Imobiliário; Contratos Imobiliários; Prática em Inventário e Partilha; Reformas Processuais incidentes no Recurso; Advocacia Contra Bancos; Consumo Sustentável Direito do Consumidor e Direito Ambiental; Práticas no Direito Ambiental; Mediação e Arbitragem TASP. Com atuação comprovada em âmbito Nacional, patrocinando mais de 5000 processos em todos os estados da federação.
×
Precisa de um advogado? Entre em contato